Pensamentos em Palavras

Só mais um blog na internet…

Amizade

Posted by Rafa de Souza em 05/07/2009

Na madrugada da sexta para o sábado estava deitado no colo de uma amiga enquanto conversávamos sobre diversos assuntos. Um deles foi frases que marcaram e poemas e uma das frases que ela me disse foi um pedaço de um texto de Vinícius de Moraes, que ela veio me mostrar ontem:

Tenho amigos que não sabem o quanto são meus amigos.

Não percebem o amor que lhes devoto e a absoluta necessidade que tenho deles.

A amizade é um sentimento mais nobre do que o amor.

Eis que permite que o objeto dela se divida em outros afetos, enquanto o amor tem intrínseco o ciúme, que não admite a rivalidade.

E eu poderia suportar, embora não sem dor, que tivessem morrido todos os meus amores, mas enlouqueceria se morressem todos os meus amigos!

Até mesmo aqueles que não percebem o quanto são meus amigos e o quanto minha vida depende de suas existências.

A alguns deles não procuro, basta-me saber que eles existem. Esta mera condição me encoraja a seguir em frente pela vida. É delicioso que eu saiba e sinta que os adoro, embora não declare e não os procure.

E às vezes, quando os procuro, noto que eles não têm noção de como me são necessários, de como são indispensáveis ao meu equilíbrio vital, porque eles fazem parte do mundo que eu, tremulamente, construí.

E me envergonho, porque essa minha prece é em síntese, dirigida ao meu bem estar.

Ela é, talvez, fruto do meu egoísmo.

Por vezes, mergulho em pensamentos sobre alguns deles.

Quando viajo e fico diante de lugares maravilhosos, cai-me alguma lágrima por não estarem junto de mim, compartilhando daquele prazer.

Se alguma coisa me consome e me envelhece é que a roda furiosa da vida não me permite ter sempre ao meu lado, morando comigo, andando comigo, falando comigo, vivendo comigo, todos os meus amigos, e, principalmente os que não desconfiam ou talvez nunca vão saber que são meus amigos!

A gente não faz amigos, reconhece-os.

Autor: Vinícius de Moraes

Concordo com muito desse texto.

2 Respostas to “Amizade”

  1. AHHH PHILIA
    este é o eter de todo nossa felicidade, pois, já se dizia: “a felicidade existe para ser compartilhada”, melhor ainda quando compartilhada com um amigo.
    A cada amigo, já diziam os sábios antigos, nos remetem a um HODÓS (caminho) diferente daquele que tinhamos, pois, adentramos em outras perspectivas, em outra forma de ver o AGATHÓS (belo, bem), mas, a amizade deve existir para sempre, mesmo se os HODÓS não se encontrarem, porque o amigo de verdade é aquele não precisa estar junto para manifestar a PHILIA.
    Então, a amizade faz parte da sabedoria, quando esta se manifesta para o verdadeiro bem, e, reconhecendo os verdadeiros amigos é um grande passo contra a solidão.

    ABS Junião

  2. Raul said

    Bom…

    Penso que posso contribuir em um detalhe que no mínimo nos levará a refletir melhor sobre as belas e profundas palavras acima.

    Pois então, o Kairós está entre nós ! ! ! Isso mesmo, o tempo propício para o bem, para o eterno, para o inusitado.

    Falo do amor Àgape, festa, eternidade…

    Quanto a amizade, as impressões acima ecaixam como luva na mão ansiosa pelo toque.

    Ppara terminar o sem começo, pergunto: lembra da aula que tivemos há anos sobre Fhilos? hehehehe

    Somos parte dessa safra…

    Saudade e admiração,

    Raul

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

 
%d bloggers like this: